Como Fidelizar Clientes?

Como Fidelizar Clientes?

Um programa de fidelidade para os clientes é uma forma de conquistar e valorizar os consumidores do seu negócio, especialmente para as empresas de pequeno e médio porte (PMEs).

Segundo Mari Gradilone, sócia-diretora do Virtual Office, um programa de fidelidade para as empresas menores é de extrema importância por representar a valorização dos clientes. Este conjunto de ações pode ser feito de diversas formas, mas é importante entender que o foco deve ser totalmente centrado no cliente.

Mari comenta que um processo de fidelização deve começar com uma boa pesquisa. Conhecer a fundo o segmento em que o cliente atua, quais são as dificuldades e necessidades dele para formar um perfil para cada um dos consumidores. Desta forma, é possível partir de temas e modalidades possíveis para as ações que serão desenvolvidas neste programa de fidelidade.

O primeiro aspecto que o profissional deve ter em mente é que a escolha deve ser feita com base em um projeto de ações desenvolvido em longo prazo. “Compreender exatamente o perfil do cliente não é fácil, mas é a única forma de conhecer as opções que poderão ser oferecidas a ele”, comenta a executiva.

Outro aspecto de destaque são as tentativas para realmente acertar o plano. Mari acredita que o ideal é desenvolver as ações aos poucos para ver com quais clientes elas se encaixam e se realmente são o que eles esperam. Justamente por este motivo o processo é demorado. “Aqui na empresa nós criamos o ‘Dia do Mimo’ há algum tempo. Ele consiste em mandarmos bolos e outros quitutes duas vezes ao mês. Este foi o nosso teste para implantarmos as próximas ações”, comenta.

Por fim, Gradilone comenta que o plano deve ser indicado para os clientes de acordo com alguns aspectos, como pontualidade em pagamento, tempo de contrato e quais as ações mais utilizadas. “É muito importante levar em consideração o tempo de casa e as qualidades de cada cliente, até porque no momento socioeconômico em que vivemos no Brasil, é essencial que valorizemos o personagem principal de nossos negócios: as pessoas”, finaliza Mari.

Esta reportagem sobre o Virtual Office foi destaque no site  TicketGestão&PME


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *