Bitcoin: Por que você precisa conhecer melhor

05. fevereiro 2018 Boletim VO 0
Bitcoin: Por que você precisa conhecer melhor

Esqueça a ideia de que moeda é aquela que levamos na carteira ou no bolso. Com a chegada da moeda virtual como o bitcoin, esse conceito ficou ultrapassado.

Totalmente virtual, o bitcoin é, sim, uma moeda, porém não é controlada por um Banco Central, mas produzida por milhares de computadores, que registram as transações feitas.

Parece difícil para você? A seguir, te explicamos melhor como surgiu, para que serve e quais são os riscos do bitcoin!

Quem criou o bitcoin

Um desenvolvedor chamado Satoshi Nakamoto – que até hoje não teve a identidade confirmada – é o “pai” do bitcoin. Ele estabeleceu as regras e os limites de produção da moeda virtual.

Como surge um bitcoin

O processo de criação do bitcoin se chama “mineração”. Nele, vários computadores conectados a uma rede competem entre si resolvendo problemas matemáticos. O que ganhar recebe um bloco da moeda, que cresce dentro de uma faixa limitada – 21 milhões de unidade até 2140.

Em 2009, quando o bitcoin foi criado, qualquer pessoas com o software poderia “minerar”. Bastava, para isso, deixar o computador ligado por dias e noites. Porém, com um aumento de interessados, essa tarefa ficou apenas com quem tem “super máquinas”.

Onde são guardados os bitcoins

Como são virtuais, os bitcoins são guardados em uma espécie de carteira, criada no momento em que a pessoa se cadastra no software. Ela recebe, ainda, um código para utilizar nas transações, já que inúmeros locais já aceitam pagamento em bitcoin.

Como posso comprar bitcoins

Caso você não tenha um supercomputador e nem disponibilidade de dias e noites para fabricar a moeda você pode adquirir o bitcoin em casas de câmbio específicas ou aceitar a moeda ao vender alguma coisa. Há, também, algumas corretoras especializadas em gerenciar a moeda para os clientes.

Quanto custa um bitcoin

O valor do bitcoin varia, pois segue as regras de mercado. Quanto mais pessoas o querem, maior a cotação. Com alta volatilidade, o bitcoin teve uma explosão de valor em 2017, com uma valorização de 1400%, atingindo a cotação de 19,3 mil dólares.

É seguro comprar bitcoins?

Essa é uma pergunta polêmica e para a qual ainda não há resposta definida. Há quem acredite piamente que o bitcoin só terá valorização ao longo dos anos, mas os críticos da criptomoeda afirmam que trata-se de uma bolha que deve estourar em breve, gerando prejuízo a seus adeptos.

E você? Acha seguro investir nas moedas virtuais ou prefere o dinheiro “real”, que se pode contar e levar consigo? Independentemente da sua escolha, é fato que as moedas virtuais chegaram para revolucionar e prometem muitas polêmicas e surpresas nos próximos anos!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *